História

Em 2005, a Meridional foi fundada como empreendimento conjunto entre a TCS Produção de Bioenergia Ltda. e a Premium Participações S/A. Esta parceria foi um sucesso, uma vez que a Meridional foi capaz de se beneficiar de diferentes expertises dessas empresas.

A competência da TCS reside no planejamento, instalação e implementação de Projetos de Energia Renovável na Europa (inicialmente na Áustria e Alemanha) desde 1997, que abrangem de óleos vegetais e gorduras a biodiesel, biogás e biomassa, aplicação de energia renovável e consultoria industrial.

Fundada no ano 2000, a Premium aprefeiçou-se em transações com óleoquímicos e logística nacional e internacional, desenvolvendo assim sólidas operações comerciais. Também atuou com consultoria e assessoria para os setores brasileiros de agronegócio e indústrias de reflorestamento. A Premium tornou-se especialista em negócios e logística nacional e internacional de commodities a granel ou em containeres marítimos. 

A sinergia entre as duas companhias progrediu naturalmente, aliando experiência local à tradição Europeia, permitindo à Meridional TCS oferecer produtos e soluções a seus clientes e parceiros com o melhor custo/benefício e confiabilidade do mercado. O Brasil é um dos únicos países do mundo que conta com programas de incentivo contínuo à indústria renovável na história moderna, iniciando com o etanol de cana-de-açúcar (Programa Proálcool), na segunda metade da década de 1970, que culminou com o reconhecimento do mercado internacional nos anos 90 e a independência energética declarada em 2006 pelo Governo Brasileiro, bem como a implementação de um bem-sucedido programa nacional de biodiesel em 2005.

Em 2007, a MTCS concluiu o estabelecimento de sua fábrica de Transesterificação de Gorduras Animais e Óleos Vegetais na propriedade de 36.000m2 da Premium na cidade de Ponta Grossa/PR, produzindo ésteres metílicos, glicerina bruta e ácidos graxos. A instalação também serviu como base estratégica para o controle de qualidade, armazenagem e processamento de glicerina e ácidos graxos adquiridos a nível nacional, com o intuito de congregar e consolidar maiores volumes desses produtos com qualidade assegurada para a crescente demanda do mercado internacional.

Os negócios da MTCS tiveram início na segunda metade de 2007 e em 2 anos a empresa tornou-se uma das líderes no mercado brasileiro de óleoquímicos, com suas atividades principais consistindo em produção, marketing e venda de: glicerina, ácidos graxos e ésteres, com logística completa para comércio exterior, por meio de uma política comercial e de qualidade de entrega assegurada.

Recentemente, a Meridional tem alcançado diversos mercados globalmente e desenvolvido produtos de maior valor agregado, mantendo os mesmos princípios empresariais desde sua fundação.